Thursday, August 09, 2018

Solitude em amar


E quando a viu
O tempo parou
Ao invés de palavras  
Saiam bolhas de respiração 
Ela não usava batom 
Sua boca pálida 
Contrastava com seu vestido preto
Seu cabelo vermelho dava um tom
A batida do coração que arfava 
Na medida em que se aproximava 
Foi lhe asfixiando o peito 
Enquanto tentava transmitir ao momento 
A beleza que seus olhos enxergara 
E foi neste instante que seu olhar disse,
O que sua boca não pôde revelar:
Procure me amar 
Quando menos eu merecer 
Pois é quando mais preciso...

LcBertoldo

Thursday, July 12, 2018

Modo de amar

Ah este olhar malicioso, e ao mesmo tempo amoroso, desperta ideias picantes e ao mesmo tempo sabedoria, de quem deveras me completa por estar dentro, não só por saber como colocar adentro. Todo sentir, do desejar no sentido em sentimento de gerar. Não somente a vontade de abrir as pernas, mas a alma e o sorriso, suar o corpo, bater papo, dar um abraço e proporcionar o prazer de gozar em regozijo pelo presenciar de estar com quem se faz cia plena. Tocar o rosto, arranhar o corpo, puxar o cabelo, olhos nos olhos emitindo verdade da essência de dividir minutos ou horas, medos e incertezas mas com carinho e cuidado, apertando o coração e afagando o ego a ponto de tornar o momento intenso a ponto de queimar, e dar toda energia em forma de cura para esta loucura que se chama viver compartilhado o modo de amar.

LcBertoldo

Thursday, June 28, 2018

Ela só quer amar


 Ela, só ela possui
Os olhos do céu 
E na boca o sol que ilumina
A vida linda e louca que leva... 
É fria como gelo, 
Mas nas mãos certas 
Derrete com o calor de um amor quente 
Mesmo que ausente, às vezes se apresente  
Por esperar muito dos outros 
Descobre que nem todos
Possuem coração igual ao dela 
Bobo, puro e cheio de luz
Bate em ritmo único 
Com uma linguagem interna 
Que externa sensivelmente 
O compreender das coisas 
Que as palavras não podem expressar 
Como transformar um dia chuvoso 
Em um arco íris luminoso 
Ela joga o seu jogo 
De sentir e se doar 
Nunca vai mudar 
A ideia que ela tem
De se valorizar 
Alimentando o corpo, 
a mente, e o espírito...
Com seu sentimento infinito 
De amar 

LcBertoldo

Thursday, June 07, 2018

Mundo de Sofia

Entre uma bebida, um encontro e ser muito exigente, acabo em desencontro comigo mesma. O problema, não é conversar é me manter interessada... Acho tão bom, quando você conhece alguém, e em tão pouco tempo cria-se uma intimidade tão grande que dizem que é coisa do destino? Pois é, teoria que existe, mas não por hoje. Quando as coisas não dão certo fico a tentar entender o por que das pessoas irem e não ficarem, da energia não fluir que fico pensando se o problema não seria meu comportamento, minhas ações, o motivo disso ou daquilo, mas o que consegui foi ficar mais confusa... Voltei a ser a garota indecisa com 7 anos de idade com múltiplas escolhas sem saber bem o que fazer, cheia dos por quês e não há de quês para ser educada e polida, mas será que isso não me fez passar desapercebida em demasia? Adoro ser do contra, desbocada, porém acho que consegui foi contrariar o amor, ou matar por cansaço meu cupido que de tanto tentar me ajudar, acabei por deixar ele louco, que desistiu de tentar me entender, e lá se foi mais uma vez o próximo da lista... Eu poderia te entregar milhares de definições ao meu respeito, mas seria insuficiente, minha personalidade é como um bicho de sete cabeças, intensa, eloquente, cheia de manias, um tsunami de sentimentos bons e um espírito cheio de sonhos. Entre um café ou uma cerveja te conto muitas histórias, falo, mas falo até o que não devo, sou sem filtro, sou a Dory, sou a mãe do dog mais lindo do mundo, Tchaikovsky, que comigo até fala russo... Sou assim um ser humano em eterna construção, meio desmemoriada, meio louca, meio estabanada, talvez o meio mais inteiro que poderia conhecer e se encantar por mim, posso te garantir, mesmo que meu anjo não assine embaixo, eu me basto, e sou feliz, por assim ser do meu jeito, no meu mundo, de Sofia.

LcBertoldo

Tuesday, May 29, 2018

Início, meio e fim


Perdi a pressa de amar, 
tentando enraizar um amor 
que era para durar até um fim 
que nunca deveria chegar,
mesmo levando anos para entender que 
para um sentimento durar 
tem que conquistar todos os dias o direito de amar,
e compreender como depois de tanto tentar evitar, 
tudo tem início, meio e fim...
Mas mesmo assim, 
a gente se culpa por tentar e não conseguir, 
sem desculpas,  
simplesmente se deixa levar arriscando-se mesmo, 
dando a cara pra bater, 
quebrando todo encanto que existe em torno do sentir, 
mas se não quiser sofrer, 
deixa estar, 
para ninguém enraizar e ficares a sós, 
sem sofrer e de fato começar...

LcBertoldo

Tuesday, May 15, 2018

Poetizar


Poetizar 
É amar
Com querer 
Pela rima das palavras
Tocar
E deixar fluir
O rio de pensamentos 
Que a cada momento 
Como um mar de sentimentos 
Vem
E vai 
Desaguar 
O abecedário da vida 

LcBertoldo  

Tuesday, May 08, 2018

Nota amorosa

Amor,
E suas leis do tempo 
Sem limites 
E data de vencimento 
Contrariando todas as possibilidades 
Mesmo quando a realidade diz:
Para por aí...
Respondo, que nada é em vão!
Transformar o não,
Em sim!
O amor teve início,
Mas não tem fim.........

LcBertoldo